Segunda-feira, 7 de Novembro de 2005

Esquerda? não obrigado...

...porque não quero, pelo menos daquela que é sempre do contra.

Acabam sempre na mesma coisa e da mesma forma, tudo o que aconteça ou seja feito por uma qualquer minoria, mesmo que os actos correspondam a extrema violência sem qualquer sentido, é e será sempre defensável e cheia de belos ideais de propaganda tipo "cassete", mas...

...desde que longe e sem influenciar a própria vida, sua e dos seus, coisas de intelectuais esquerdistas, desculpem mas não têm defesa nem argumentos que me conveçam.

Vão viver para perto dos actos dos gangs, coloquem os vossos filhos nas mesmas escolas, vão para as mesmas urgências hospitalares e andem nos mesmos transportes públicos e então sim venham a terreiro defendê-los.

Vandalismo puro e barato, fundamentalismos ridículos e desprezo pelos outros são e serão sempre condenáveis e espero que bem punidos para exemplos futuros.

É por isso que de esquerda nunca, pelo menos desta.

António José Ramos às 08:07
link | diz lá tu
1 comentário:
De Anónimo a 9 de Novembro de 2005
Bravo! Aplaudo e subscrevo.nikonman
(http://pracadarepublica.weblog.com.pt)
(mailto:joao.espinho@netvisao.pt)

Comentar post

procura aqui...

subscrever feeds

Alentejanices...

todas as tags

há mais estas...