Sexta-feira, 26 de Março de 2010

e se fosse desta?

 

Por mim, já é tempo do PPD/PSD voltar a ser oposição dedicada e eficaz, para que brevemente este senhor possa ser Primeiro Ministro de Portugal.

 

Estou com Pedro Passos Coelho...

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:01
link do post | diz lá tu | disseram os outros (3)
Segunda-feira, 12 de Outubro de 2009

ESTREMOZ votou assim...

 

Estremoz foi a votos e escolheu o regresso de Luís Mourinha - MIETZ, agora como independente, ao cargo de Presidente da CME.

 

Curiosidades e factos dos números na eleição à Câmara Municipal

 

MIETZ - Luís Mourinha - 40,03% - 3577 votos - 3 mandatos

PS - José Alberto Fateixa - 32,09% - 2867 votos - 3 mandatos

PPD/PSD - António José Ramalho - 10,96% - 979 votos - 1 mandato

PCP/PEVJorge Pinto - 10,43% - 932 votos - 0 mandatos

CDS/PP - Luís Assis - 1,82% - 163 votos - 0 mandatos

BE - Luís Mariano - 1,26% 113 votos - 0 mandatos

 

Inscritos - 13263

votantes - 8935 - 67,37%

 

votos em branco - 176

votos nulos - 128

 

Comparando os resultados de 2005 e mantendo o PS quase os mesmos votos ( - 3 votos, 2870 de 2005 contra os actuais 2867 ), os independentes do MIETZ foram claramente ao PCP/PEV e PPD/PSD retirar os seus 3577:

Ao PCP/PEV  ( - 1865 votos, 2797 de 2005 contra os actuais 932) e ao PPD/PSD ( - 665 votos, 1644 de 2005 contra os actuais 979 ). Nos restantes partidos, o CDS/PP apurou  - 29 votos, 192 em 2005 contra os actuais 163  e o BE obteve - 3 votos, 116 (2005) contra 113 nestas eleições.

Registaram-se ainda menos votos em branco (218 - 176) e votos nulos (138 - 128) e o número de votantes aumentou de 8414 (2005) para os actuais 8935, apesar de o número de inscritos nos cadernos eleitorais ter descido para os actuais 13263 ( 13488 em 2005 ).

O PS e o PPD/PSD mantêm o mesmo número de mandatos, 3 e 1 respectivamente, enquanto que o PCP/PEV desaparece dos eleitos, perdendo os seus 3 mandatos para a lista vencedora de Luís Mourinha, seu antigo militante e anterior Presidente eleito pelas suas listas. 

 

Os eleitos:

 

CM:  Luís Mourinha - MIETZ
AM:  Martinho Torrinha - MIETZ
JF Santa Maria:  José Ginja - MIETZ
JF Santo André:  Ernesto Gomes - MIETZ
JF São Domingos de Ana Loura:  José Dias - PS
JF São Bento do Cortiço:  José Lavado - PCP/PEV
JF Santa Vitória do Ameixial:  Angelina Leirias - PCP/PEV
JF Glória:  Óscar Fonseca - MJPG
JF Veiros:  João Raimundo - PPD/PSD
JF Evoramonte:  Bruno Oliveira - PS
JF São Lourenço de Mamporcão:  Sérgio Carvalho - PS
JF Arcos:  António Broa - MIPA
JF São Bento do Ameixial:  Justino Fonseca - PPD/PSD

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:46
link do post | diz lá tu | disseram os outros (24)
Domingo, 11 de Outubro de 2009

"domingo - dia de votos"

António José Ramos às 00:02
link do post | diz lá tu | disseram os outros (5)
Sábado, 10 de Outubro de 2009

"dia de reflexão"

António José Ramos às 00:01
link do post | diz lá tu | disseram os outros (4)
Sábado, 26 de Setembro de 2009

"dia de reflexão"

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:01
link do post | diz lá tu | disseram os outros (7)
Quinta-feira, 3 de Setembro de 2009

"PRAÇA DE TOIROS DE ESTREMOZ"

... Praça de Touros de Estremoz


Faz hoje, 3 de Setembro, 105 anos que foi inaugurada a Praça de Touros de Estremoz.

 

Praça de Touros de Estremoz

     foto António José Ramos

 

(Re)Construída sobre as ruínas da original Praça de Touros de Santa Catarina, deveu-se esta sua reaparição, à vontade expressa de inúmeros estremocenses, que após a sua conclusão e inauguração em 3 de Setembro de 1904 a deixaram em legado à cidade.

 

Só que passou mais um ano sem utilização e está com menos um ano para o fim.

São só 105 anos! mas também o que é isso para um concelho que tem tantos edifícios históricos...

 

No passado recente, escrevi assim:

 

Segundo as últimas informações ou opiniões (ainda não consegui perceber), estará para breve uma solução via câmara municipal, aliás, o Sr. Presidente da CME, afirmou em Janeiro deste ano (NDR: 2008), mais concrectamente, dia 23 aos microfones da Despertar, que:

 

"herdámos um protocolo tripartido entre o Asilo, a Santa Casa e a CME para a recuperação a cargo da Câmara, como não há possibilidades financeiras, a Fundação Asilo propôs a devolução da Praça pois dispunha de parceria privada para a recuperação da mesma. Pensamos que o futuro e a exemplo de outras localidades com praças, passará pela parceria entre o Asilo e os privados, da nossa parte aguardamos a entrega do estudo pois a denúncia do acordo existente está feito"

 

Entretanto... VAMOS AOS TOIROS! na...

 

"MONUMENTAL DESMONTÁVEL DE ESTREMOZ"

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:52
link do post | diz lá tu | disseram os outros (1)
Terça-feira, 30 de Junho de 2009

Autárquicas 2009 - "PS completo!"

A "equipa" PS, candidata às "Eleições Autárquicas 2009" no concelho de Estremoz está definida e estes são os trunfos socialistas para as Assembleias de Freguesia.

 

CM:  José Alberto Fateixa

AM:  José Capitão Pardal

JF Santa Maria:  João Manuel Pingarilho

JF Santo André:  José Manuel Rebola

JF São Domingos de Ana Loura:  José Dias

JF São Bento do Cortiço:  João Cunha

JF Santa Vitória do Ameixial:  Joaquim Travassos

JF Glória:  Rui Patrício

JF Veiros:  Nicolau Almada

JF Evoramonte:  Bruno Oliveira

JF São Lourenço de Mamporcão:  Sérgio Carvalho

JF Arcos:  Rui Garcia

JF São Bento do Ameixial:  Elsa Cantador

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 23:02
link do post | diz lá tu
Sexta-feira, 12 de Junho de 2009

BORBA cidade

O Alentejo e o Distrito de Évora têm desde hoje mais uma cidade. A proposta de Lei de elevação de BORBA, conjuntamente com Valença (Viana do Castelo), Senhora da Hora (Matosinhos), S. Pedro do Sul (Viseu e sede de Concelho) e Samora Correia (Benavente), foi aprovada pela unanimidade dos deputados presentes hoje na Assembleia da República.

Borba passa assim a ser a 6ª cidade do Distrito Eborense, juntando-se a Évora (anterior à nacionalidade), Estremoz (1926), Montemor-o-Novo (1988), Vendas Novas (1993) e Reguengos de Monsaraz (2004).

 

Parabéns aos cidadãos de Borba e a todos os borbenses.

 

Brasão de Borba

 

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 15:00
link do post | diz lá tu | disseram os outros (4)
Segunda-feira, 9 de Março de 2009

ESTREMOZ: "laranjinhas"

JSD Estremoz

Espera-se sempre algo de "reformador" por parte da "jota"... sempre assim foi e sempre assim (espera-se) será.
Na tradição de (muita) gente inovadora (estremocenses inclusivé), espero que este espaço contribua sempre para a qualidade da opinião e do debate das ideias que se querem para a Estremoz em particular e para o país em geral por parte da "jota estremocense".
Foi com orgulho que durante muitos anos servi essa casa... os tempos mudaram e as formas de "participação" também mas um "laranjinha" é-o para sempre, mesmo que as tendências mudem.
Disponham...
Parabéns à JSD Estremoz  pela (normal) iniciativa...

 

 

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:01
link do post | diz lá tu
Sexta-feira, 6 de Março de 2009

"união de fa(c)to"

Eu por vezes (ou quase sempre) não os percebo.

 

Porque é que querem que as chamadas "uniões de facto" sejam equiparadas aos "casamentos"?

 

Das duas três, num país livre como este é na maior parte das vezes, ou nos "casamos" (porque queremos) e/ou nos "unimos de facto" (também porque queremos) e/ou "cada um vive na sua casa" (ainda e também porque queremos).

 

Ora perante isto, mais uma vez não percebo como se pode dizer que estar "casado" ou "unido de facto" é a mesma coisa... Porra!!! está claro que não é!!! pois se assim fosse a malta não se "casava" e apenas se "unia de facto"... ou não acham?

 

É que equiparar as duas coisas não me parece bem, nem justo e muito menos me parece uma preocupação nacional neste ou em qualquer momento, para este Governo ou para o próximo...

 

Quem quer que uma e outra sejam a mesma coisa para mim só tem uma coisa a fazer... CASAR-SE!

 

Simples não é? Ups!... ouvi alguém ao fundo da sala dizer que não é simples!

 

Ok... é mesmo por ser diferente e não simples que as condições, direitos, obrigações dos "casados" terão que ser diferentes dos "unidos de facto".

 

 

Alentejanices...:
António José Ramos às 00:00
link do post | diz lá tu | disseram os outros (3)
Terça-feira, 17 de Fevereiro de 2009

"crianças especiais"

Sinceramente, existem reportagens que custam ver na nossa TV, e então se o assunto diz respeito a crianças e estas são portuguesas, pior... tudo se torna "feio".

Isto a propósito do Repórter TVI - "um grau de separação" que a TVI passou no domingo após o "Jornal Nacional" e que falava sobre a inclusão de crianças com necessidades especiais de ensino nos estabelecimentos de ensino públicos e ditos "normais".

Dizia-se às páginas tantas que uma escola referida, era o exemplo da integração de uma criança cega numa turma de alunos sem as mesmas características e dificuldades. Até aqui o sonho e a igualdade de integração e oportunidades parece o desejado e o que todos gostaríamos, só que a realidade da referida criança, dos seus pais e da referida escola não é bem essa e chegamos ao limite do aceitável: 

As aulas especiais que a criança necessita, "apenas" porque é invisual, SÃO DADAS NUMA ARRECADAÇÃO, pequena e cheia de materiais vários (por isso é arrecadação) e a professora que tem a seu cargo a criança nos períodos de actividade específica TEM DE COMPRAR DO SEU BOLSO muitos dos acessórios que a criança necessita para a referida aula.

Se isto já é mau para uma escola exemplo da integração, que dizer perante as respostas do Sr. Secretário de Estado da Educação quando confrontado com as questões:

Na primeira diz que "desconhece a escola e que se as aulas são na arrecadação terá que ser corrigido".

Na segunda, "se a professora tem de comprar do seu bolso é por falta de organização da escola". 

Sinceramente não é isto que me choca (a isto o povo já vai ficando habituado, pois sacudir a água do capote é fácil), mais triste fico, é quando os exemplos da reportagem mostram casos semelhantes passados em várias escolas, com várias famílias e com muitas crianças especiais e que ao abrigo desta suposta "fantástica e desejável" integração plena na sociedade não se criam as condições para que ela exista. 

Não há professores com formação para ensinar e acompanhar crianças invisuais, autistas, com paralisias e outras.

Não há auxiliares com preparação e em número suficiente para acompanhar as crianças no seu dia a dia escolar.

Não há escolas preparadas para acolher e proporcionar um ensino "especial" a estas crianças e conseguir a integração com as outras crianças. 

Fica mesmo no ar que primeiro se fez a Lei, depois faz-se cumprir e agora ao sabor das dificuldades vão-se obrigando os pais a cumpri-la, sabendo, PORQUE É A VIDA DELES TODOS OS DIAS (que é isso que nós não nos lembramos, pois não os vemos sempre), que este plano maravilhoso do Governo não existe no nosso sistema de ensino e tenho sinceras dúvidas que exista em mais algum país. Crianças especiais necessitam de escolas e professores preparados para essas especialidades. Ou todos os professores e auxiliares deste País estão preparados "para mudar fraldas a meninos de 10 ou 15 anos"? 

Por favor... não deixem no ar a ideia de que esta maravilhosa integração na educação pública não é mais que "ACABAR COM OS SUBSÍDIOS A INSTITUIÇÕES QUE ESTÃO PREPARADAS E EXISTEM PARA SERVIR AS NOSSAS CRIANÇAS ESPECIAIS"

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:09
link do post | diz lá tu | disseram os outros (2)
Quinta-feira, 12 de Fevereiro de 2009

"a resposta errada..."

No "NÓS POR CÁ" da SIC  diz-se " está assim porque não está ", é o que pode chamar-se uma resposta que sai mesmo torta, errada e que sem qualquer esforço da nossa parte "roça" os termos da anedota... verdade que não terá graça nenhuma, seria dispensável por parte do "Zé Alberto" e apenas com a nossa boa vontade a poderemos considerar um "pequeno tiro no pé". Quanto ao resto... cheira-me que a culpa será um pouco de muita "gente" e assim é fácil encaminhar as culpas para o "porque não está"! 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 09:00
link do post | diz lá tu | disseram os outros (3)
Domingo, 25 de Janeiro de 2009

"anti-desportices" estremocenses

Para esclarecimento e antes que alguém tome o partido e as dores de outros, AQUI vos deixo a minha opinião escrita antes da inauguração do novo relvado do Municipal de Estremoz.

Levou tempo a consumar-se o sonho e o desejo dos futebolistas do concelho, e agora, depois de meses com a casa às costas, quando a casa parecia arrumada, os resultados da equipa sénior do CF Estremoz, desterrada para a segunda divisão distrital, começam a deixar no ar a esperança do regresso ao seu lugar - 7 vitórias consecutivas, 5º lugar e a sete pontos de um lugar de promoção - salta a vista o mesmo de sempre, um "amadorismo" deveras revoltante para quem faz sacrifícios de treinar fora de horas.

Chegou-me ao conhecimento que a distribuição dos treinos no Municipal se faz da seguinte forma, no que à equipa sénior diz respeito: CF Estremoz - 3ªs, 5ªs (das 20h às 21h) e 6ªs (após as 20h)

O problema parece começar logo por aqui... se durante muito tempo não houve relvado nem campo porque será que agora se terá que satisfazer todos os interessados em ali treinar?

Pergunto se há treino em condições para uma equipa competir se treina duas vezes por semana apenas 1 hora? Pois segundo o que apurei, as camadas jovens acabam às 20h e às 21h entra em cena a equipa de S. Domingos.

Assim sendo, a equipa do CF Estremoz, apenas treina um dia em condições e esse dia é a 6ª feira, pois não tem quem partilhe o campo após as 20h.

O problema, é que na passada 6ª feira, o SC Arcoense (digno representante do concelho na Divisão de Honra) em vésperas de uma deslocação ao campo do União de Montemor, entendeu e bem, efectuar um treino no relvado de Estremoz. Nada mais natural para as aspirações do clube e para os desejos da sua equipa técnica.

As perguntas que coloco e as dúvidas que assistem são as seguinte:

Quem consegue colocar duas equipas a treinar em metade do campo numa 6ª feira? Dia em que normalmente se faz o treino final antes da jornada de fim de semana? De quem partiu o erro de aceitar esta situação sem dela dar conhecimento a TODOS os interessados e com quanto tempo foi ela definida?

Diz o povo e com razão, que "é areia de mais para a camioneta", pois a mim pessoalmente também me parece e será bom que os responsáveis municipais estabeleçam as prioridades e as REGRAS e sentem à mesma mesa os interessados para que o planeamento de ocupação do "Municipal" se faça de acordo com todos e não ao sabor da corrente e à vontade momentânea de alguns.

Sinceramente, o amadorismo que surge nestes casos é o mesmo de sempre e há alturas em que não se pode agradar a todos. Existe um Estádio Municipal e sem qualquer problema, afirmo que deverá ser do uso prioritário por parte da equipa que é a razão da sua existência, as outras equipas do Concelho e não só poderão e deverão utilizá-lo sempre que o desejem e isso não colida com os interesses do CF Estremoz ou então em parceria com este, CF Estremoz, que em caso algum deve fazer dos pedidos e vontades que lhes assistem "orelhas moucas" ou ter a prepotência de que algo que não é seu, lhe pertence.

E por favor, não me venham com as habituais "choradeiras" do "é um campo municipal e é de todos igualmente pois foram os dinheiros públicos, etc. etc. etc." (estes são os argumentos do "amadorismo" e da falta de opiniões válidas). É um campo Municipal sim senhor... e daí? Que eu saiba, todas as freguesias tem um campo de futebol, nuns casos da junta em outros das equipas. Ou não é verdade que enquanto decorreram as obras de arrelvamento, o CF Estremoz treinou e jogou por terras de São Bento do Ameixial?

O que aqui importa é definir prioridades e saber se quem decide e pode organizar estas coisas o faz de acordo com os interesses de todos.

E já agora... que todos, mas mesmos todos vejam se existe "camioneta para levar toda a areia que pretendem transportar".

Quem não tem a culpa serão certamente os jogadores de todas as equipas que a única coisa que desejam fazer é jogar, já que para treinar os custos pessoais serão certamente muitos.

 

Acham que conseguem entender-se?

 

António José Ramos às 10:12
link do post | diz lá tu | disseram os outros (3)
Quarta-feira, 21 de Janeiro de 2009

" IBÉRIA'18 "

Organizar um "Mundial de Futebol" é e será sempre um grande negócio para a economia de um país. Os resultados e dividendos que resultam "à vista" são inúmeros e aqueles que vão resultando da imagem do país pelos anos seguintes faz parte daquele lucro que não se consegue contabilizar.

 

Só isto bastaria para fazer ver aos senhores que mandam, o quão importante se torna apoiar a iniciativa conjunta da FPF e da RFEF.

 

Para um país como Portugal e que ainda hoje tira dividendos do sucesso que foi o EURO'04, organizar o maior evento desportivo do mundo logo a seguir aos Jogos Olímpicos, é algo que não se deve descurar por nenhum sector do país, ainda mais quando as infra-estruturas existem e na altura ainda estarão dentro do seu prazo de validade aceitável. Sei que a divida dos estádios construídos também perdura por aí, sei que o investimento feito foi avultado, no entanto se já está feito, qual o problema? Ou não é nossa obrigação rentabilizá-lo ao máximo?

 

Com a saída da realização do "memorando" de entendimento entre as duas federações, logo houve quem desse tiros nos pés e outros mais inteligentes e com objectivos claros tornassem públicos os seus interesses claros no evento.

 

Não percebi o que quis dizer o nosso ministro das finanças com o não ser uma prioridade - algum de nós acha o contrário? - é claro que não é uma prioridade mas é um interesse importante a médio prazo. Veja-se pois a opinião do governo espanhol e tornada oficial - a organização ibérica de um mundial de futebol será apoiada pelos dois governos.

 

Tenho dito e está claro... "há alturas em que mais vale estar calado e não falar sobre certos assuntos. Sr. ministro das finanças de Portugal, se não acha uma prioridade, para quê estar a ocupar o seu tempo nas conferências de imprensa em Bruxelas com o assunto?"

 

Força Portugal e Espanha... façamos que o resto do mundo se sinta bem na "IBÉRIA 2018"

 

António José Ramos às 12:20
link do post | diz lá tu | disseram os outros (1)
Terça-feira, 25 de Novembro de 2008

"e agora?"

Já vou achando (estou a brincar, não acho nada!!!!) estranho que após as sucessivas e sistemáticas descidas no preço do "crude", logo dos combustíveis em Portugal, os mesmos que por todo o lado aumentaram os preços aos seus produtos por causa do dito "ouro negro", não estejam agora também a ponderar baixar os valores ao que pagamos.

E depois as gasolineiras é que roubam? Roubar, roubam, mas não são os únicos, ah pois não!!!

Acho eu!

Se calhar com a interrupção da democracia por seis meses (a que ninguém quer mas todos desejavam ser possível), o nosso primeiro poderia decretar que os preços voltassem aos valores de 2007, antes do Natal...

Era pedir muito não era?

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 22:07
link do post | diz lá tu
Quinta-feira, 23 de Outubro de 2008

"hummm!!!"

Estava aqui a pensar... vai para mais de uma semana que uma certa senhora não fala dos "voos da CIA"...

 

É que este tema deveras importante para o futuro do país, deve ser falado pelo menos uma vez por semana, até que os referidos voos sejam feitos de "spaceshuttle"! Ou acham que há algum português que não se importe por onde voam esses aviões malandros?

 

Ou será para não distrair as massas cinzentas deste país dos destinos "orçamentais", "casamenteiros", "petrolíferos" e "económicos" a que se irão sujeitar os portugueses nos próximos meses até que chegue o "Dia do Juízo"(*) para o "chefe"?

 

Pode ser mas eu acho que "ela" vai falar disso dentro de dias... é que dá mesmo para distrair atenções!!!

 

Vou dormir, que isto já deve ser sono!!!!!!

 

(*) leia-se eleições.

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 23:26
link do post | diz lá tu
Quarta-feira, 8 de Outubro de 2008

Haja "lata" para tamanha Crise!!!

Segundo ouvi ou li hoje, já não sei bem, mas a ser verdade tenho que dar vivas ao descaramento,  a crise financeira apregoada e a possível recessão não é geral. Senão vejamos:

 

Parece que os inquilinos da "White House" ficaram deveras "zangados", porque um grupo de fulanos que por acaso eram só os administradores do AIG, foram "carpir as mágoas" da falência por eles conseguida para um hotel de luxo na Califórnia e ainda conseguiram (para colocar a cereja no topo do bolo), que a factura da luxuosa cura de stress provocada pela mais que certa vida de pobre que levarão desde que ficaram desempregados, fosse paga pela falida AIG.

 

Ora segundo a tal noticia, estas férias estavam planeadas vai para mais de um ano, em virtude dos resultados alcançados e premiava o desempenho de tão ilustres gestores (pois claro!!!), mas não é tudo... o grave para a "casa branca", é que se a factura foi paga agora, foi com parte do dinheiro injectado pelo estado para salvar o grupo.

 

Brilhante... a cadeia parece-me pouco!

 

Ah... esquecia-me, parece que a factura é da ordem dos 440.000,00€... coisa de menos para gente com esta abertura de espírito... e essencialmente de grande lata - acrescento eu!

 

Mas olhem que por cá também os há... não têm é ainda muita lata!

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 22:37
link do post | diz lá tu
Terça-feira, 7 de Outubro de 2008

"Um bluff porreiro, pá?"

O "Magalhães", segundo a propaganda do Governo da República será um computador de fabrico português... (!!!) ou pelo menos a "pompa e circunstância" com que foi anunciada a sua apresentação em Portugal e na Venezuela (cof! cof! cof!) isso faz crer.

Magalhães

 

Só que, desde 2006 que outras propagandas de outros países fazem o mesmo, chamam-lhe é nomes tais como:

"Anoa" pela Indonésia, "Mileap-X series" na India, "Jumpc" por Itália e o "Mobo Kids" no Brasil!

 

Eis o dito "2go Classmate PC" de seu nome original e distribuído pela Intel e pela Amazon.com (passe a publicidade mas se quiser e sem comprar, veja como é o "magalhais") e que já vai na 2ª versão.

CTL E09XPH 9” 2go classmate PC Laptop (900 MHz Intel Celeron Processor, 512 MB RAM, 40 GB Hard Drive, XP Home) Bone/Grey 

Quanto às diferenças, que cada um escolha as suas... eu fico-me apenas pela cor... Espero sinceramente que haja outras! e o visitante, gosta mais de "azul magalhães" ou de "castanho classmate"?

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 22:06
link do post | diz lá tu | disseram os outros (2)
Sexta-feira, 12 de Setembro de 2008

"importa-se de repetir?"

"Cortem-me o pescoço se um dia se provar que houve um cêntimo de prejuízo para a câmara neste processo. Podem-me cortar o pescoço, que eu faço uma carta a dizer que o autorizei"

 

- Oh Major... Olhe se a malta em Gondomar fosse nestas conversas como tem ido em outras!

 

António José Ramos às 13:02
link do post | diz lá tu
Quarta-feira, 27 de Agosto de 2008

"diário de férias" dia 19

Parece que hoje não houve assaltos com direito a notícia porque conhecimento de dois eu tive aqui por estes lados... Isto continua lindo... deve haver muita boa gente neste país orgulhoso pelas suas boas prestações na segurança das pessoas!

 

Como as férias estão de a dar o fim, há que dar retoques na residência, como tal, uma pintura aqui, uma arrumação ali e havemos de chegar a 2ª feira e o "toque de alvorada"´já terá outro sabor.

 

Quase que nem me lembrava que hoje era dia se Real Madrid vs Sporting Clube de Portugal... pela primeira parte mais valia! valeu pelo treino e pela reacção da 2ª parte. Espera-se que certas atitudes tenham servido de exemplo para confrontos futuros. E já que amanhã é dia de sorteio da "champions league", veremos o que nos calha em sorte este ano... pelas minhas contas e como nunca os vi jogar ao vivo, deve vir Chelsea ou Arsenal... os outros venha quem vier pois quem quer ser bom tem de ganhar aos melhores. Noutro campo e conforme eu temia, é giro os "mais pequenos" irem às eliminatórias mas depois dá nisto... e com a derrota de hoje do Vitória de Guimarães (apesar do erro de arbitragem) alguém poderá dizer quantos pontos iremos perder no ranking da UEFA para os próximos anos?

 

Até já "amigos"... 

 

:
António José Ramos às 23:41
link do post | diz lá tu
Terça-feira, 6 de Maio de 2008

Autárquicas 2009

Eis um "post" que pela sua precocidade vai certamente andar em constantes, e espaçadas no tempo, actualizações... (não sei como as vou fazer, mas já que as hostes amigas e partidárias estão activas e muito acesas por Estremoz, aqui vou deixando o que me for aparecendo):

 

ESTREMOZ  -  Câmara Municipal

  • 05 de Maio de 2008

 

CDS/PP anuncia que Luís Assis será o seu candidato a Presidente da Câmara Municipal de Estremoz e António José Garcia o candidato à Assembleia Municipal.

 

 

  • 05 de Abril de 2008

Pelo PS local, tudo na mesma no pós eleições, logo, já se pode dizer sem grandes margens para erros, que José Alberto Fateixa será o candidato que já era antes de o ser.

 

 

 

  • 24 de Março de 2008

Últimos "sons" na cidade:

 

- PS enquanto não forem as eleições locais não há José Alberto Fateixa.

- PSD ainda sem (pré) candidato... António José Ramalho (já) recusou!?!....

- CDU aposta em Maria Odete Ramalho...

- CDS parece inclinado para Luís Assis...

- BE será que vai a estas!?!... diz que sim mas ainda é cedo!

- IND (1) Luís Filipe Mourinha ainda sem respostas aos convites...

- IND (2) Há outro Independente em vias de..., falta saber se o PSD o convida antes de avançar...

 

 

  • 17 de Março de 2008

Entrevista de Luís Filipe Mourinha à Rádio Despertar - Voz de Estremoz

programa "à volta do rossio" - 15h00 (repetição às 22h e dia 18 às 07h)

 

  • 10 de Março de 2008

 

Luís Filipe Mourinha (RE) candidata-se como Independente a Presidente da Câmara Municipal de Estremoz.

 

(...)

 

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:00
link do post | diz lá tu | disseram os outros (19)
Quinta-feira, 27 de Março de 2008

"assim... se vê... a força do pc"

(RTP) Assembleia da República: PCP vota sozinho contra condenação da violência no Tibete

 

É impressionante os argumentos que estes senhores, defensores das liberdades e dos direitos, conseguem encontrar sempre que toca a ir de encontro às ditaduras comunistas.

Desta vez e "orgulhosamente sós" (onde é que eu ouvi isto!?), até os "melancias" * do PEV ("Os Verdes") tiveram que deixar os camaradas sozinhos, tal a falta de... vergonha.

O texto votado e aprovado, foi proposto pelo CDS-PP e ao qual se associaram o PS, PSD, CDS-PP, BE , PEV e o Governo, mais a deputada Luísa Mesquita (expulsa do PCP), que foi aplaudida pelas restantes bancadas ao optar por se associar ao voto. Francisco Louçã afirmou que votaria a favor "em nome dos valores da esquerda", defendendo que "a liberdade religiosa é a primeira liberdade".

Preocupa-me seriamente que se continue por este país a acreditar nestes "facciosismos ditatoriais de uma esquerda enganadora", pelo meu Alentejo com mais gravidade...

Esta foi pior que a defesa de que, "a Coreia do Norte é uma democracia" ou a de pensar em comunismo, quando se vê a Soraia Chaves nua, apenas porque o autarca retratado lhes calhou em sorte.

 

* fruta ou... "coisos e coisas" verdes por fora e vermelhas por dentro!

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 09:58
link do post | diz lá tu | disseram os outros (4)
Quinta-feira, 20 de Março de 2008

"ExtremAlentejo"

Nove municípios/ayuntamientos do Alentejo e da Extremadura (Espanha) assinaram a Declaração de Olivença no sentido de avançarem para a criação de uma “euroregião".

Os municípios/ayuntamientos querem que a "euroregião" venha a funcionar como "lobby" junto das entidades decisoras.

O presidente do município de Estremoz, José Alberto Fateixa, disse à agência Lusa que a Declaração de Olivença foi assinada segunda-feira, numa reunião naquela cidade, depois de aprovarem o avanço da “euroregião”, que deverá designar-se “ExtremAlentejo”.

Do projecto inicial, participam os municípios de Arronches, Campo Maior, Elvas, Estremoz, Portalegre e os ayuntamientos de Albuquerque, Badajoz, La Codosera e Olivença.

Segundo o autarca estremocense, o documento assinado em Olivença, indica que compete aos nove municípios/ayuntamientos aprovarem em reuniões dos respectivos executivos locais "o propósito político de criação de uma euroregião".

Os nove municípios/ayuntamientos, acrescentou José Alberto Fateixa, pretendem também apresentar uma candidatura ao programa da União Europeia -  Interreg, como forma de contribuir para o desenvolvimento económico das duas regiões ibéricas.

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 00:01
link do post | diz lá tu | disseram os outros (2)
Quinta-feira, 13 de Março de 2008

Pê eSse Dê

Cada vez mais LARANJA...

Não consigo (nem me entendo) gostar de ROSA...

Cada vez menos AZUL, aliás, não cheguei sequer a sê-lo...

 

Fico à espera de um PPD/PSD à imagem do que orientava a minha "JOTA"

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 11:05
link do post | diz lá tu | disseram os outros (3)
Quarta-feira, 12 de Março de 2008

pergunta o "educador":

Onde é que nestes tempos entra aquela célebre e educativa frase do "devemos analisar e aprender com os nossos erros para que eles não se repitam?"

 

motivo:

"Quando se fazem balanços é, certamente, para realçar aquilo que se fez bem. E, foram tantas as coisas que fizemos bem, que não temos de perder tempo com o que fizermos mal", sublinhou Vitalino Canas - porta-voz do PS"

 

legenda:

"Isto quer dizer que o que foi mal feito ou correu mal é para ficar assim, pois afinal está bem feito e se voltar a acontecer e correr mal, o "povinho" que aguente!"... Confusos? não... claro que não, chama-se "arrogância".

 

Alentejanices...: ,
António José Ramos às 08:06
link do post | diz lá tu

ano X... por António José Ramos

correio para mim, é aqui
connosco

ESTREMOZ

Estremoz

escuta aqui a

Rádio Despertar - on-line

procura aqui...

subscrever feeds

Alentejanices...

todas as tags

há mais estas...