Segunda-feira, 30 de Outubro de 2006

Alentejano Português (?) ou...

... "Alentejano" Genovês (?) ou "Alentejano" Castelhano (?)

Apesar de todas as polémicas e de todas as ficções que se possam elaborar, esta parte da história é mesmo obscura.

A vila de CUBA lançou a iniciativa de "tomá-lo" como seu... e com foto e resumo do que por lá aconteceu, leia-se o compadre João Fialho (alentejodive) e o seu Atribulações de um alentejano em directo .

Já agora e se quiserem um conselho de leitura, leiam o "O CODEX 632" do José Rodrigues dos Santos e... sintam-se inspirados e intrigados por esta questão.

Alentejano, pelos vistos será... digo eu!

António José Ramos às 12:23
link do post | diz lá tu
5 comentários:
De Sandra R a 31 de Outubro de 2006 às 16:03
Olá. Eu já li "O Codex" e realmente é muito duvidoso a naturalidade do senhor. É um livro espetacular, adorei...
De João a 1 de Novembro de 2006 às 01:35
Ora viva, amigo Ramos.

Esta problemática à volta da naturalidade de "Cristóvão Colon" é deveras interessante.

Todos nos lembramos do que nos foi ensinado na Escola sobre o facto de este navegador ser um "genovês" que se veio oferecer ao Rei D.João II para encontrar um caminho para as Indias por ocidente, e outras coisas do género.

E que, não tendo o nosso rei aproveitado "a oportunidade", logo a isso se abalançou a Coroa de Castela. Além de que, tendo "Cristóvão Colombo" descoberto terras pensaria estar a descobrir a Índia.

Bem, todas estas teorias têm sido postas em causa ao longo dos anos, por diversos historiadores e pesquisadores portugueses e luso-americanos. Mais recentemente, dois historiadores de renome abraçaram essa tese e acabaram por desenvolvê-la de forma "histórico-científica".

A conclusão de quase todos eles é de que o senhor seria mesmo português e alentejano. Com alguma probabilidade, que se transforma em "quase-certeza" no caso de dois desses historiadores de renome.

Há dois livros recentecemte publicados, um em Portugal (de Mascarenhas Barreto) e outro nos EUA mas também lançado em Portugal (não me recordo agora o nome dos dois autores, marido e mulher), que defendem e explicam porquê, Cristócão Colon era mesmo natural de Cuba (Alentejo).

Têm sido levadas a cabo diversas conferências e Colóquios sobre este tema, algumas das quais na Cuba. O tema tem sido abordado na nossa imprensa ao longo dos anos (Por exemplo, no Expresso, aqui há vários anos, numa grande reportagen na Revista Única). No livro Codex 638, tal como uma outra comentadora refere, este tema bastante bem explanado, o que ajudou a trazê-lo para um conhecimento mais alargado.

Para quem quiser saber mais, pode começar por se informar detalhadamente na página do Núcleo de Amigos da Cuba (http://amigosdacuba.no.sapo.pt), na parte relacionada com esta temática. Também aí, encontram imensa bibliografia que vos ajudará a perceber melhor o que está em causa.

Saudações alentejanas para todos.



De João a 1 de Novembro de 2006 às 01:38
Uma parte ficou incompleta. Queria escrever assim:

(...)
A conclusão de quase todos eles é de que o senhor seria mesmo português e alentejano. Com alguma probabilidade, que se transforma em "quase-certeza" no caso de dois desses historiadores de renome, de que seria mesmo natural de Cuba.
(...)
De João a 1 de Novembro de 2006 às 02:18
Amigo Ramos, desculpe lá esta insistência. Decidi deixar aqui mais alguns elementos para os seus leitores e visitantes pensarem. Tem a ver com os nomes atribuídos por Cristóvão Colon às ilhas que foi descobrindo. Veja as coincidências:


À 1ª ilha que descobriu, Colom(bo) chamou-lhe
São Salvador (o seu nome verdadeiro era Salvador Fernandes Zarco).

Às ilhas seguintes chamou:
Fernandina (derivada de Fernando, seu pai); Isabella (sua mãe);
CUBA (sua terra natal)
Conceição (igreja de Beja onde foi baptizado, construída por seu pai).

Se fosse genovês, isto teria alguma lógica? Não lhes teria antes dado nomes "italianos"?

Saúde, e bom feriado.
De mascafuncia a 9 de Dezembro de 2006 às 10:30
Já li e fiquei baralhada..mas digo que é cubano de cuba do alentejo :_)

Comentar post

ano X... por António José Ramos

correio para mim, é aqui
connosco

ESTREMOZ

Estremoz

escuta aqui a

Rádio Despertar - on-line

procura aqui...

subscrever feeds

Alentejanices...

todas as tags

há mais estas...