Sexta-feira, 9 de Dezembro de 2005

Menino Jesus vs Pai Natal

Lembro-me de quando criancinha, e também não foi há tantos anos assim, que os presentes de Natal eram oferecidos pelo “Menino Jesus” e a romaria à árvore de Natal se fazia logo pela manhã do dia 25 de Dezembro… pois era ou já não se lembram.

Sinceramente não me recordo de quando aconteceu a mudança, mas há por aí alguém que ainda mantenha a nossa tradição?

Os nossos vizinhos espanhóis comemoram o Natal como a festa da família e oferecem os presentes (especialmente às crianças) no Dia de Reis, dia esse em que os Reis Magos chegaram junto do Menino e lhe ofereceram as respectivas prendas… Acho a tradição mais certa, no entanto e mantendo a nossa… ok, é no dia 25 de Dezembro e pronto.

Como dizia, não me recordo da mudança, o que sei é que repente começamos a cultivar a ideia de que é o pai Natal que trás as prendas do Pólo Norte onde tem uma fábrica, onde uns gnomos e duendes labutam um ano inteiro para garantir que todas as crianças do mundo tem o seu brinquedo. Como é óbvio, faço a minha “mea culpa”, pois lá por casa acontece o mesmo e até desde há uns anos para cá os nossos “tesouros” abrem as prendas ainda na noite de 24 de Dezembro.

Mas, eu como muitos, ou será que não, sabemos que o Pai Natal, enquanto figura de “Avô Bonacheirão” e de fato vermelho “É UM GOLPE DE PUBLICIDADE DA COCA-COLA BEM CONCEBIDO E DE ENORME SUCESSO”, e é por isso que não entendo o porquê da nossa mudança de tradição. Bem sei que o Natal em termos comerciais chega cada vez mais cedo e ainda hei-de ver as decorações de Natal a saírem das caixas logo após o Verão, efeitos do consumismo que faz a nossa sociedade hoje em dia, mas bolas, tanto Pai Natal já enjoa…

…e agora, é vê-los a galgar paredes e chaminés deste país, também não dava jeito nenhum ser o Menino Jesus de fralda pendurado dos prédios, ainda se constipava... já estou a pensar em criar um para adaptar aos vidros dos automóveis, tipo bandeira… talvez no próximo Natal!

Pois é caro Menino Jesus, perdeste aos pontos…

Boas Festas para todos e que o menino Jesus vos deixe o que mais desejam.

António José Ramos às 15:16
link do post | diz lá tu
12 comentários:
De Anónimo a 30 de Dezembro de 2005 às 20:22
Não tive o meu natal por aí mas, sou alentejano de nascimento, de alma, de coração e de tudo o que um alentejano tem que ter. Como muitos tive de deixar o meu cantito ali pela Comenda,Gavião, já lá vão 40. Sou e serei sempre, um acerrimo defensor das nossas tradições e não concordo com o compadre que acima diz que; pai natal ou Menimo Jesus tanto faz. Durante décadas, aconteceu o mesmo com a nossa música. Não passava nas rádios nem nas televisões nacionais. Felizmente está a mudar. A mim entristece-me nós sermos um pequeno país com tamanha vastidão de tradições e deixar-mo-nos colonizar assim. Que milhóes de estrelas iluminem os vossos caminhos em 2006, com a gasolina mais barata, assistência médica impecável e sem filas de espera e tal como o ensino, tendencialmente gratuito. Fico-me por aqui para não abusar da vossa paciência e para que não venha o menino jesus e não o pai natal, a achar que estou a pedir demais ou que ache alguém que estou a ser politicamente incorreto.


João Chamiço
</a>
(mailto:tasajanela@sapo.pt)
De Anónimo a 13 de Dezembro de 2005 às 11:21
Com que então é hoje... afinal não andava mto longe. Beijinhos e mtos parabéns "cota". Que contes muuuuuuuuitos mais, pois espero que cá estejamos todos para celebrar. Mtas felicidades.Sandra R
</a>
(mailto:mangarosa@iol.pt)
De Anónimo a 13 de Dezembro de 2005 às 09:54
olá, como é este o ultimo comentário q fizeste até a data, aqui fica um grande beijinho de parabens e que passes um bom dia com os teus lindos filhotes e mulher.
Para o grande responsável delte espectacular blog mts e mts parabens. Aqui p/ nós "Tás a ficar velhote"Cristina Ramos
</a>
(mailto:hcristy71@sapo.pt)
De Anónimo a 12 de Dezembro de 2005 às 17:20
Olá. Não sei se é hoje... mas sei que é por estes dias... Parabéns, tás a ficas "velhote"!!! Esta semana à mais uma festa, não há? Beijinhos e muitas felicidades.Sandra R
</a>
(mailto:mangarosa@iol.pt)
De Anónimo a 12 de Dezembro de 2005 às 14:13
Para mim seja o Pai Natal ou o Menino Jesus a trazer as prendinhas, não me interessa muito, o importante é o espirito da noite de Natal.
É a noite da família, em que todos nos reunimos, pais, irmãos, irmãs, sobrinhos, primos, avó, cunhados e todos os que vierem, que serão bem recebidos. Graças a DEus que ainda tenho a familia quase toda e é com grande emoção que me sento à mesa com todos eles. E depois venha ou o menino Jesus ou o Pai Natal, não interessa, e é ver os putos e graudos a desembrulhar as suas prendinhas. Sim prendinhaas, que o custo de vidas não dá para Prendas.
Beijinhos, e se puderes aparece. A avó ia gostar muito.Rramos
</a>
(mailto:daf@cm-estremoz.pt)
De Anónimo a 12 de Dezembro de 2005 às 13:04
Caro amigo, ajude e publicite, Vila Viçosa - Património Mundial!!!

Vá ver ao Restaurador da Independência!!!

Muito obrigado!!!

Saudações Alentejanas!!!O Restaurador
(http://orestauradordaindependencia.blogspot.com/)
(mailto:orestaurador@gmail.com)
De Anónimo a 10 de Dezembro de 2005 às 23:16
O "Beja" vai parar por um tempo mas voltará. Boas Festas para si e sua Família. Abraçoslumife
(http://bxalentejo.blogspot.com)
(mailto:lumife@sapo.pt)
De Anónimo a 9 de Dezembro de 2005 às 20:46
Eu tambem sou do tempo de irmos ao campo buscar o musgo e o pinheiro de natal e depois faziamos uma festa para montar o presépio que tinha direito a ponte e lago com cisnes, reis magos, pastores, ovelhinhos e muitas mais figuras; o pinheiro era grande e com muitos enfeites, era tudo muito mais vivido do que hoje e mais sentido... Agora nem se sabe muito bem quem é o MENINO JESUS só se fala em Pai Natal e Presentes é uma pena perdesse tudo o que ERA BOM. MENINO JESUS VOLTA QUE FAZES CÁ MUITA FALTA.Cristina
</a>
(mailto:cristrincheiras@netcabo.pt)
De Anónimo a 9 de Dezembro de 2005 às 17:34
Eu gosto de deixar comentários... mas depois nem chego a saber se alguém os lê... :( Mas cá vai: Quando era miúda adorava o dia de fazer o presépio. Saía de manhã com o meu avô e com o meu irmão para procurarmos musgo, que com muuuita dificuldade lá arranjavamos (porque somos gente da cidade e na cidade o musgo escasseia). Chegados a casa, subiamos ao escadote e tiravamos as caixas de cartão que diziam por fora "óleo FULA" e "Lixívia Sonasol" e onde guardavamos as figurinhas do presépio, embrulhadas em jornais e acamadas com palha sintética. O meu avô aproveitava para nos falar de cada personagem que iamos desembrulhando e assim ficavamos a conhecer a história do presépio, do nascimento do menino, dos pastores, dos reis magos, mas acima de tudo, do seu significado e de como este nascimento pode significar também um nascimento dentro de cada um de nós e da esperança de que se reveste. Feliz Natal a todos e um forte abraço da Planície (que agora também eu vivo no alentejo onde penso que se deveria ter dado o meu natal ;)) )Da Planície
</a>
(mailto:planicie@sapo.pt)
De Anónimo a 9 de Dezembro de 2005 às 17:13
Pois é prima, até eu já tenho saudades dessas cantorias e conversas a volta da mesa cheia de comida, doces, bebida brancas e outras, papeis embrulho, os putos contentes c/ tanta prenda q nem sabem qual pegar. A vida não permite mas quem sabe há sempre um milagre nesta época e algo acontece. Bjs e feliz Natalcristina ramos
</a>
(mailto:hcristy71@sapo.pt)

Comentar post

ano X... por António José Ramos

correio para mim, é aqui
connosco

ESTREMOZ

Estremoz

escuta aqui a

Rádio Despertar - on-line

procura aqui...

subscrever feeds

Alentejanices...

todas as tags

há mais estas...