Sábado, 12 de Janeiro de 2008

com tranquilidade...

Esta resposta aplica-se ao guarda-redes do Sporting  Stojkovic e às infelizes declarações do irmão (e se calhar começa-se a perceber porque é que um guarda-redes com as qualidades dele e titular da Sérvia tem andado de clube em clube como suplente) mas aplicava-se na perfeição a outros PAPAGAIOS MELANCIAS * que esvoaçam sobre Alvalade .

EXCELENTE Sr. Paulo Bento, siga o seu caminho com a respectiva tranquilidade pois nem todos os sportinguistas só o são quando se ganha.

 

“numa fase em que os resultados não estão a aparecer e com exibições não conseguidas, tem de ter a capacidade de saber gerir algumas situações adversas e saber, acima de tudo, que não é a melhor altura, e não sei se existe boa altura, para olhar para o nosso umbigo e colocar os interesses individuais acima dos colectivos. Acredito, como sempre acreditei que no próximo jogo, teremos de ultrapassar os resultados e exibições menos conseguidas, essas situações adversas com outro espírito, mentalidade, focalizando mais na nossa tarefa, olhando para o do lado e fazer mais por ele e ajudá-lo. Nesta situação, há dois prejudicados: o Sporting e o jogador. Foi o irmão a falar e ele não será prejudicado desportivamente. Quem vai jogar é o Rui, que iría jogar independentemente do que se passasse. Prejudicado em termos de imagem pelo que o irmão disse, pelos motivos que a SAD referiu e acrescento ainda mais um coisa, mente com “quantos os dentes que tem na boca”. Mais pressão? Não. Nem o Rui, nem a equipa tem de ficar pressionada com esta situação. Temos de reagir aos resultados, às exibições, mas mais do que isso, focalizar no quem têm que fazer dentro de campo. Passámos pelo pior momento desde que estou no Sporting e não me vou por de cócoras, porque nunca me coloquei em bicos de pés, mas ninguém, dentro do Sporting, vai aproveitar-se desde mau momento”.

in www.sporting.pt

 

* - Espécie de fulano muito falador e que ostenta por fora a cor verde mas que por dentro não vê mais que o seu umbigo avermelhado. Como não sabe quande deve estar calado, acaba por dizer o que comeu em casa, ser injusto para quem lhe deu de comer e acabar a cuspir no prato onde comeu (como parece estar na moda).

 

Alentejanices...:
António José Ramos às 19:00
link do post | diz lá tu

ano X... por António José Ramos

correio para mim, é aqui
connosco

ESTREMOZ

Estremoz

escuta aqui a

Rádio Despertar - on-line

procura aqui...

subscrever feeds

Alentejanices...

todas as tags

há mais estas...